Indicações para adotar a prótese de silicone no maxilar

A prótese de silicone no maxilar é feita por meio de um procedimento denominado mentoplastia, nome dado para cirurgia realizada que trata do queixo. Essa estrutura é compreendida por mandíbula, pescoço e o terço inferior da face. Sua cirurgia costuma reduzir ou aumentar as proporções de modo que podem ocorrer: o avanço ou retração da mandíbula; avanço da estrutura óssea do queixo.

As demandas por esse tipo de procedimento podem ocorrer por conta de má-formação, traumas e acidentes que podem desconfigurar o rosto, além de meramente motivos estéticos, em que o paciente está insatisfeito com o formato da parte inferior de seu rosto.

Tomando a má-formação como exemplo, quando há um desenvolvimento ósseo menor do que o esperado, é possível realizar a inclusão de uma prótese no queixo, como a prótese de silicone no maxilar. Outras opções como a infiltração de gordura ou PMMA também podem ser consideradas.

Por fim, a mentoplastia é indicada para correção de vários tipos de imperfeições, sejam elas funcionais ou meramente estéticas. Além disso, pode auxiliar no tratamento de apneia obstrutiva. A recomendação do tipo de intervenção a ser feito leva em consideração o tipo de extensão da desconformidade, tais como:

  • Proeminente ou macrogenia;
  • Deficiente ou microgenia;
  • Assimétrico.

Prótese de silicone no maxilar: complicações e eventuais problemas

No processo de inclusão da prótese de silicone no maxilar podem ocorrer infecções, hemorragias e alergias. Além disso, existem os riscos inerentes a inserção de um implante de queixo, sendo estes:

  • Possibilidade de deformação no queixo;
  • Lesão do nervo mentoniano. Este caso leva a perda de sensibilidade ou paralisia dos músculos na região do queixo;
  • Erosão óssea;
  • Alteração na posição do implante;
  • Extrusão dos implantes.

A utilização da prótese de silicone no maxilar associada a rinoplastia

As proporções faciais que proporcionam equilíbrio e harmonia dependem de componentes que atuam em conjunto. Assim, alterações em uma região podem causar um impacto que não se restringe somente àquela região, alterando a fisionomia da pessoa como um todo.

Sendo assim, é interessante considerar que há uma relação entre as proporções do nariz e o queixo. Por isso, é relevante salientar que em alguns casos é preciso que a intervenção ocorra nas duas estruturas para que o paciente obtenha resultados mais condizentes com as suas expectativas.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Consulta Ideal atende prótese de silicone no maxilar: